Artígos

Por que vocês fizeram isso?

image

 

Por que vocês fizeram isso?

Já há alguns anos venho percebendo a grande mudança comportamental do ministério. Porém, como sempre fui criado dentro do que aprendi como Obra de Deus, Esperei que o Senhor transformasse os coraçôes de seus servos, mostrando-lhes o caminho da Luz da sua Santa e Pura Palavra, e que os mesmos, que dizem amar ao Senhor, deixassem para trás, a vaidade, o orgulho, o poder, a vingança, a mentira, o nepotismo e, principalmente, o sistema que criaram, como se fosse uma verdadeira e mega empresa. Puro engano!

Os anos foram se passando e tudo foi piorando. O desrespeito aos conservos, a irmandade e principalmente ao Senhor nosso Deus que, segundo a visão dos mesmos, foi colocado dentro do sistema somente para confirmar o que decidem em nome de um conselho que se diz soberano. Que tristeza!

Como no passado, quando um rei que foi colocado sobre o povo de Deus se desviava da vontade do Senhor, se tornava um iníquo, malvado, perverso. Praticava tudo que era mau aos olhos do nosso Deus e seus príncipes, sacerdotes e profetas, para não perderem as benesses do poder e nem correr risco de vida, se omitiam e ainda praticavam e também concordavam com todas as maldades praticadas pelo rei. A seguir, o povo, percebendo que desde o palácio até o templo, através dos sacerdotes e os profetas, que tinham que profetizar a verdade de Deus, estavam contaminados e nada lhes acontecia, decidiu seguir os passos reais, sacerdotais e dos profetas.

A verdade, a Justiça, a misericórdia, a Paz e o amor, não faziam mais parte do vocabulário e muito menos, das decisôes dos mesmos. Nesse momento então, o Senhor Deus levantava um profeta. Este não se contaminava não se vendia e muito menos participava das benesses do poder real, para pregar, tanto para o rei, seus príncipes, seus sacerdotes (pois já não eram mais do Senhor) e os profetas que passaram a profetizar mentiras, “tudo o que Deus iria fazer de mal, se logo, todos não se arrependesse”. E, como sabemos, o tal homem de Deus, além de não ser ouvido, sofria perseguição, prisôes e até ameaças de morte. Mas o homem de Deus nunca se intimidou, intimida ou intimidará, diante das injustiças, das mentiras, do falso poder, da calúnia e mesmo que seja considerado um herege, não vacila e nem vacilará, pois sabe o Deus que está servindo e que não busca a glória para si, mas para o Senhor.

Novamente Deus pelo Espírito Santo pergunta:

Por que vocês fizeram isso?

Não lhes bastava o meu amor, a essência da minha graça e que enchia pela simplicidade os seus coraçôes e do meu povo?

Por que deixaram a primeira caridade e foram após seus devaneios e instinto animal, carnal e diabólico? Dando ocasião ŕ carne para se manifestar entre vocês?

Por que criaram um monstro chamado sistema e em sua carnal idade acharam que poderiam colocar-me dentro, como peça decorativa, como um ser inanimado, incapaz de demonstrar o Meu poder, glória e indignação?

Por que se tornaram loucos?

Porque a vaidade e a luta pelo poder, que são instrumentos malignos e se os meus servos não tiverem atentos, eles se manifestam como que estejam preocupados com a minha Obra, diz o Senhor; e começam a dominar os seus conservos, bem como, todo o meu povo, que carente da minha Palavra e discernimento, crê piamente, que as decisôes tomadas por vocês foram guiadas pelo Meu Santo Espírito.

Tenho enviado inúmeras Palavras de despertamento nas suas reuniôes, mas não têm dado ouvidos. Por isso, como já avisei diversas vezes que sairia de entre vocês, hoje é o começo de um novo tempo. Saio do meio deste ministério, e levantarei outro que fará o que eu, diz o Senhor; determinar. Sobre o qual farei repousar a Minha luz, discernimento, Paz, sinceridade, simplicidade, humildade e amor e que andará em retidão, respeitando as minhas decisôes pelo Espírito Santo, passando para o meu povo, diz o Senhor, a minha Palavra pelo Espírito da Vida.

Na verdade, a maior parte de vocês já está vazia. Não sente mais a minha presença e decide conforme seus perversos coraçôes. Porém, como nos dias de Acabe, em que a violência, a maldade, a injustiça e os profetas de baal, imperavam, e, Elias pensou que era o único que me servia, diz o Senhor, Falei com ele que ainda existiam sete mil joelhos que no anonimato, mas com sinceridade me serviam e não haviam se prostrado diante de baal. Assim, nos dias presentes! Existem muitos no ministério e no meio do povo que não se curvaram diante de vocês que enganam usando o Meu Santo Nome em vão.

O Renovo já vem chegando como prometi em várias congregaçôes. Não em forma de sistema humano corporativista, mas cheio de Graça, virtude e Poder.

Ei-lo as portas!

Quem abrir o seu coração, eu diz o Senhor, entrarei e farei morada. Os meus sinais serão a confirmação do meu Renovo.

A minha igreja cantará e exaltará o meu nome, diz o Senhor, com liberdade. Sem o jugo humano e suas violências praticadas em meu nome.

Dentro de poucos dias, chamarei para prestação de contas, muitos de vocês.

E não descerão a sepultura em paz!

O Velho

Indique esta página