Notícias

10/08/2017Lei do Mar aprovada em Comissão da Câmara

 

A Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (CMADS) da Câmara dos Deputados aprovou, nesta quarta-feira (9/8), parecer favorável ao PL 6969/2013, de autoria do ministro Sarney Filho, que institui a Política Nacional para a Conservação e o Uso Sustentável do Bioma Marinho Brasileiro. A proposta é conhecida como Lei do Mar.

Segundo Leandra Gonçalves, coordenadora do Programa Costa Atlântica, da Fundação SOS Mata Atlântica, “a Lei foi elaborada e acordada de forma participativa, contando com a colaboração do governo, do setor produtivo, de organizaçôes da sociedade civil e de universidades”.

De acordo com o ministro, parte da legislação atual que trata do tema foi adaptada daquela existente para áreas terrestres. Sarney Filho explicou que o projeto de lei foi apresentado “com objetivo de integração, ampliação e adequação das normas vigentes, para uma melhor gestão costeira e marinha”.

A Lei do Mar tem como principais premissas a proteção da biodiversidade marinha e dos serviços ecossistêmicos prestados pelo bioma, com ênfase para a regulação do clima. Visa garantir a continuidade da absorção de 25% das emissôes antrópicas de gás carbônico, realizada pelos oceanos.

A proposta é voltada, ainda, para a segurança alimentar, uma vez que 15% da proteína consumida no mundo vêm da pesca, para que a exploração de gás e petróleo se dê em bases sustentáveis e com todas as cautelas ambientais, e para o combate da sobrepesca e da poluição marinha.

O relator do Projeto na Comissão, Deputado Alessandro Molon, coordenador da Frente Parlamentar Ambientalista, acolheu em seu substitutivo sugestôes recebidas em audiências públicas e em consulta pública. Durante o primeiro evento de discussão promovido pela CMADS, em novembro de 2015, o autor destacou a importância do debate público para o aprimoramento da proposta.

Ambientalistas comemoraram a aprovação do PL. “Finalmente conseguimos a aprovação de uma pauta positiva e necessária para a proteção do bioma marinho”, avaliou Michel de Souza Santos, coordenador de Políticas Públicas do WWF-Brasil.

A Lei do Mar será, em seguida, avaliada pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJC) e enviada para votação ao Plenário da Câmara. (Fonte: MMA)

Indique esta página
Poderá também gostar de:
img
Antivírus usado contra cinomose pode ajudar a...
img
Criação do Parque do Xingu não usurpou terras de...
img
Bactérias afetam capacidade do Aedes de...
img
Regulamento da Vaquejada garante bem-estar...
img
Mais de 300 animais estão em ameaça de extinção...
img
Poluição altera hormônio do estresse e muda...
img
Após recuo da água, 34 toneladas de lixo são...
img
Fenômeno que ‘secou’ litoral Sul do país provocou...
img
Controle do mercúrio entra em...
img
Educação para o desenvolvimento...
img
Pesquisadores descobrem substância capaz de...
img
Zika custou 4,6 bilhôes de dólares ao Brasil nos...
img
Número de incêndios florestais em Portugal atinge...
img
Competição feroz por mamutes foi chave na...
img
Estudo brasileiro mostra efeitos neurológicos do...
img
Moradores dão água para macacos após incêndio...
img
Baixo nível dos rios coloca 11 municípios do...
img
Maré seca atinge litoral de São Paulo até o Rio...
img
É impossível fazer ciência com poucos recursos,...
img
Curso gratuito promove eficiência em...
img
Pulgas têm resultado positivo para peste negra em...
img
Incêndio no Parque Serra de Ricardo Franco (MT) é...
img
A deliciosa e requintada semente que cresce no...
img
Pecuária ajuda e é ajudada pelo meio ambiente na...
img
Eclipse solar irá cobrir o sol completamente nos...
img
Técnica de plantio em palha reduz necessidade de...
img
Até que ponto o ar de ambientes internos é mais...
img
SUS inclui teste rápido para dengue e...
img
Vacina contra zika do Instituto Evandro Chagas...
img
Exames confirmam que 1,1 mil bois morreram de...
Page 1 of 657
Mais Notícias...