Notícias

11/08/2017Robôs de inteligência artificial buscam novos medicamentos para doença degenerativa

Robôs de inteligência artificial estão acelerando a corrida para encontrar novos medicamentos para combater a esclerose lateral amiotrófica (ELA).

A enfermidade, também conhecida como doença de Lou Gehrig, ataca e mata as células nervosas que controlam os músculos, provocando fraqueza, paralisia e, por fim, insuficiência respiratória.

Existem apenas dois remédios aprovados pela Administração de Alimentos e Medicamentos dos EUA para retardar a progressão da esclerose lateral amiotrófica, uma disponível desde 1995 e outra aprovada apenas este ano.

Cerca de 140.000 novos casos são diagnosticados por ano globalmente e não há cura para a doença, conhecida por afetar o físico Stephen Hawking. Diagnostica com a condição aos 21 anos, ele vive em uma cadeira de rodas e se comunica por computador.

“Muitos médicos a consideram a pior doença da medicina e a demanda não atingida é enorme”, disse Richard Mead, do Sheffield Institute of Translational Neuroscience.

Robôs – Softwares complexos executados por computadores poderosos trabalham como super-pesquisadores incansáveis e imparciais. Eles analisam enormes bancos de dados químicos, biológicos e médicos muito mais rápido do que o humanamente possível, produzindo novos alvos biológicos e possíveis remédios.

Em testes pré-clínicos em Sheffield, um candidato a medicamento proposto por tais máquinas produziu recentemente resultados promissores na prevenção da morte de neurônios e atraso no início da doença.

Caso a pesquisa produza novos medicamentos, marcaria uma vitória notável para a inteligência artificial na descoberta de remédios, impulsionando as perspectivas de um crescente número de startups focadas na tecnologia.

Estas empresas estão se baseando na premissa de que, embora os robôs de inteligência artificial não substituam cientistas e médicos, podem economizar tempo e dinheiro, descobrindo fármacos muito mais rapidamente que processos convencionais. (Fonte: G1)

Indique esta página
Poderá também gostar de:
img
Antivírus usado contra cinomose pode ajudar a...
img
Criação do Parque do Xingu não usurpou terras de...
img
Bactérias afetam capacidade do Aedes de...
img
Regulamento da Vaquejada garante bem-estar...
img
Mais de 300 animais estão em ameaça de extinção...
img
Poluição altera hormônio do estresse e muda...
img
Após recuo da água, 34 toneladas de lixo são...
img
Fenômeno que ‘secou’ litoral Sul do país provocou...
img
Controle do mercúrio entra em...
img
Educação para o desenvolvimento...
img
Pesquisadores descobrem substância capaz de...
img
Zika custou 4,6 bilhôes de dólares ao Brasil nos...
img
Número de incêndios florestais em Portugal atinge...
img
Competição feroz por mamutes foi chave na...
img
Estudo brasileiro mostra efeitos neurológicos do...
img
Moradores dão água para macacos após incêndio...
img
Baixo nível dos rios coloca 11 municípios do...
img
Maré seca atinge litoral de São Paulo até o Rio...
img
É impossível fazer ciência com poucos recursos,...
img
Curso gratuito promove eficiência em...
img
Pulgas têm resultado positivo para peste negra em...
img
Incêndio no Parque Serra de Ricardo Franco (MT) é...
img
A deliciosa e requintada semente que cresce no...
img
Pecuária ajuda e é ajudada pelo meio ambiente na...
img
Eclipse solar irá cobrir o sol completamente nos...
img
Técnica de plantio em palha reduz necessidade de...
img
Até que ponto o ar de ambientes internos é mais...
img
SUS inclui teste rápido para dengue e...
img
Vacina contra zika do Instituto Evandro Chagas...
img
Exames confirmam que 1,1 mil bois morreram de...
Page 1 of 657
Mais Notícias...