Artígos

Algumas verdades sobre o diabo!

 

O diabo foi mesmo aniquilado? Qual o verdadeiro poder do diabo? 

Nota do editor: não colocaremos sua imagem, pois o mesmo toma a forma que quiser. Podendo se transformar, inclusive, em anjo de Luz, para enganar até os escolhidos de Deus, conforme consta nas Escrituras Sagradas.

 A primeira pergunta está fundamentada em uma passagem bíblica, que se encontra no livro Aos Hebreus, cap. 2 ver. 14, onde fica demonstrado por quem escreveu o livro, que o diabo foi aniquilado. Esta palavra que acabo de escrever, vem do verbo aniquilar, que quer dizer: REDUZIR A NADA; DESTRUIR; EXTERMINAR; ABATER E HUMILHAR.

O poder do diabo, e a sua aniquilação, se encaixa na parte espiritual no sentido de destruir o poder que o diabo tinha sobre a morte.

E por esta razão, o mesmo ficou abatido e humilhado, caso contrário, ele não seria citado após a morte e ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo, como podemos ler nos livros: Efésios cap. 4 v. 27 e cap. 6 v. 11, ll Tim cap.2 v. 26, Tiago 4 v.7, l João cap. 3 v.8, Judas v.9 e Apoc. 2 v 10 e outros mais em Apocalipse. Agora, quanto o bem e o mal, eles cumprem o seu papel, conforme o tempo determinado por Deus em nossas vidas. Existiu um presidente em nosso país, que disse que o tempo é o senhor da razão. Mas não é verdade! O SENHOR DA RAZÃO É DEUS. É ELE QUEM DETERMINA O QUE O TEMPO DEVE FAZER NA VIDA DE CADA UM.

Dito isso, passamos a entender que nem sempre o mal que nos sucede vem do diabo, mas sim, do tempo dos dias maus que Deus permite que chegue as nossas vidas. Assim como os dias maus chegam através do tempo determinado por Deus, eles vão embora ao tempo da vontade de Deus. No tempo de vida que temos na terra, ele é marcado por variaçôes como está escrito no livro do Eclesiastes cap. 3.

Há um tempo determinado por Deus para todas as coisas e propósitos debaixo do sol.

O que acontece com a maioria dos crentes, por serem ensinados pelas igrejas, é que, qualquer tribulação, dificuldade, adversidade, aborrecimento e outras tantas, passam a ser movimentos diabólicos contra eles, por não saberem discernir através do Espírito Santo, que as nossas vidas neste mundo, são marcadas por tempo de paz e de guerra. De alegria e de tristeza, de amar e aborrecer, na verdade, um se contrapôe ao outro. E isso sucede tanto ao 

crente como ao descrente. Não é privilégio apenas de um grupo ou de alguém. Só que nós passamos com Cristo. 

Não estou dizendo também, que o diabo não luta contra a nossa vida, mas ele já está vencido, derrotado, pois clamamos ao Senhor Jesus e somos libertos de toda investida maligna. Devemos dar mais valor ao Crescimento espiritual. Crescendo nas qualidades do Filho de Deus e não ficando nos primeiros rudimentos da Fé. Jó fez assim.

A maior parte das igrejas, usam o nome do diabo para amedrontar os fiéis, que com medo, ficam usando o nome de Deus em vão. Por total ignorância, desconhecimento da palavra de Deus. Correm os fiéis por qualquer problema para tais igrejas e lá então, eles criam a dificuldade chamada diabo, para venderem a facilidade, infelizmente, pois usam isso para seus próprios benefícios, chamada Jesus.

Aqueles que vão de sincero coração, sempre receberão do Senhor, o alento necessário para suas almas. Mas os que usam deste artifício irão pagar diante Deus.

o sangue de Jesus Cristo é tão importante, que, muitas vezes Deus me deu a graça de ver os demônios saírem, só em falarmos: Senhor Jesus cobre-me com o teu sangue.

Infelizmente, muitos por falta de luz, usam por qualquer bobagem que esteja acontecendo.

Quanto ao inferno, ele existe sim, nas escrituras! Dezessete vezes ele é citado no novo e no velho testamento, conforme pode ser visto nas referências bíblicas. E fora das referências, ainda encontramos citaçôes no apocalipse, cap.6 v.8 e cap. 20 vs. 13 e 14. 

Se formos buscar a tradução de inferno nos dicionários que estão ao nosso alcance, farão a tradução como sendo a sepultura. Como traduzem erradamente alma como se fosse espírito.

E no que diz respeito às igrejas que fizeram dos seus membros, utilizando-se do medo que coloca sobre os mesmos do diabo, uma grande fonte de dinheiro fácil para as mesmas e seus chamados líderes.

O Velho

Indique esta página