Terça, 13 Abril 2021

Brasil



Brasil registra mais de 5 milhôes de pessoas curadas da Covid-19

Homem deixa hospital após internação por Covid-19. (Foto: Reprodução / G1)
 
O Ministério da Saúde informou que o Brasil registra 5.064.344 pessoas curadas da Covid-19. O número de pessoas curadas no país é superior ŕ quantidade de casos ativos (364.575), que são os pacientes em acompanhamento médico. O registro de pessoas curadas já representa a grande maioria do total de registros acumulados.
 
No mundo, estima-se que pelo menos 29 milhôes de pessoas diagnosticadas com Covid-19 já se recuperaram.
 
Com relação ao total de diagnósticos, o Brasil acumula 5.675.032 casos, sendo que 10.917 foram confirmados nas últimas 24 horas. Ao todo, 162.628 pessoas morreram por coronavírus no país, das quais 286 ocorreram nos três últimos dias. Os dados foram enviados pelas secretarias municipais e estaduais de Saúde e compilados pelo Ministério da Saúde nesta segunda-feira (09/11).
 
Já o total de recuperados ainda se refere a informaçôes compiladas na última quarta-feira (4/11). Isso é devido ŕ instabilidade no sistema de informática da pasta, já que esses números são calculados pelo próprio Ministério após análise de informaçôes detalhadas na rede.
 
A doença está presente em 99,9% dos municípios brasileiros. Contudo, mais da metade das cidades (3.447) possuem entre 2 e 100 casos. Em relação aos óbitos, 4.700 municípios tiveram registros (84,4%), sendo que 650 deles apresentaram apenas um óbito confirmado.
 
Vacinas
 
As vacinas contra a covid-19 estão sendo desenvolvidas em velocidade sem precedentes, e, além da rapidez, os projetos em andamento buscam comprovar a eficácia e a segurança de tecnologias inéditas, que, futuramente, podem modernizar outras vacinas já em uso no mundo.
 
Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), entre as quase 200 propostas de vacinas em testes, 44 chegaram ŕ fase de experimentação em humanos, chamada de estudos clínicos. Dessas, um grupo de 10 projetos atingiu a fase três de estudos, em que dezenas de milhares de voluntários são recrutados para comprovar se a vacina é mesmo capaz de proteger sem causar danos ŕ saúde.
 
Por ainda apresentar grande circulação do vírus, o que acelera as pesquisas, o Brasil tem sediado alguns desses testes com milhares de participantes. Receberam autorização para experimentos de larga escala no país as vacinas desenvolvidas pelos laboratórios AstraZeneca/Oxford, Sinovac, Janssen e Pfizer/Biontech/Fosun Pharma.
 
COM INFORMAÇÕES DO MINISTÉRIO DA SAUDE E AGÊNCIA BRASIL

Filipenses 4:13
"Posso todas as coisas em Cristo que me fortalece."

Newsletter

Assine a nossa newsletter. Não perca nenhuma notícia ou história.

Nós não fazemos spam!

Search