Brasil

27/11/2019Bolsonaro vai a culto em Manaus e diz que indicará ministro evangélico para o STF

Jair Bolsonaro e sua esposa, Michelle, se ajoelham para que líderes orem pelo governo, durante culto da Assembleia de Deus, em Manaus. (Foto: BNC Amazonas)
 
Na última terça-feira (26), o presidente Jair Bolsonaro foi ao Culto de Celebração da igreja evangélica Assembleia de Deus no Amazonas (Ieadam). O evento ocorreu no Centro de Convençôes Canaã, localizado, Zona Sul de Manaus.
 
A presença no culto foi o primeiro compromisso de Jair Bolsonaro e sua esposa, Michelle Bolsonaro. Nesta quarta-feira (27), o casal participa da 1ª Feira de Sustentabilidade do Polo Industrial de Manaus (FesPIM), que será realizada no Studio 5 Centro de Convençôes, às 19h.
 
 
Sobre a visita
 
O presidente foi convidado pelo deputado federal e presidente da Bancada Evangélica no Congresso Nacional, Silas Câmara (PRB), a estar no evento.
 
O deputado afirmou que a presença do presidente no culto "é uma comprovação da sensibilidade espiritual dele ao segmento cristão, por este também ser seu primeiro compromisso na capital amazonense".
 
Durante o culto, o pastor Samuel Câmara orou pelo presidente pela família de Bolsonaro e também pelo governo federal, impetrando uma benção sobre o casal, que foi chamado à frente, como pode ser visto no vídeo abaixo:
 
 
Ministro evangélico no STF
 
Tendo a oportunidade de dar um breve discurso de 8 minutos, o presidente reforçou a declaração de que indicará 'em breve' um ministro evangélico para o STF, que também "lutará pela manutenção da família".
 
"Pegamos o Brasil moral, ética e economicamente falido. Não sou evangélico, mas sou cristão. O meu governo lutará pela manutenção da família, porque nos governos anteriores colocavam até em livros escolares que (uma família) podia até ser formada por um juntamento de duas coisas. E tem duas vagas para ministro do Supremo, e um será cristão e evangélico", disse Bolsonaro, olhando para o pastor e juiz William Douglas.
 
O primeiro ministro a deixar uma cadeira vaga no STF e que deve receber uma indicação feita pelo presidente deve ser a do atual decano, o ministro Celso de Mello. Ele vai se aposentar em novembro do ano que vem, ao completar 75 anos.
 
COM INFORMAÇÕES D'O GLOBO

Indique esta página
Poderá também gostar de:
img
Bolsonaro diz em formatura militar que “hoje...
img
Damares confirma criação de canal para denunciar...
img
Bolsonaro vai a culto em Manaus e diz que...
img
Bolsonaro diz que irá transferir embaixada para...
img
Brasil abrirá escritório de negócios em Jerusalém...
img
Jornalista do Globo usa imagem de anjo fumando...
img
Brasil sediará evento sobre paz no Oriente Médio...
img
Justiça determina que Doria devolva apostilas...
img
“Temos uma bandeira e meia: Brasil e Israel”, diz...
img
Evangélica clama a Deus e escapa de estupro em...
img
Grupo terrorista no Brasil revela plano para...
img
“Não sei se sou terrivelmente evangélico, mas sou...
img
“Se o STF é igualitário, por que não ter ministro...
img
Em culto, Bolsonaro diz que vai indicar ministro...
img
Governo Bolsonaro denuncia perseguição contra...
img
Evangélicos voltam a cobrar Itamaraty sobre...
img
Bolsonaro cogita um ministro do STF ‘evangélico’...
img
Tá na hora de...
img
Fábio Porchat diz que 'é maluquice acreditar na...
img
STF retoma julgamento sobre criminalização da...
img
Evangélicos montam acampamento em ponte e evitam...
img
Decisão do STF impede psicólogos de atenderem...
img
Confederação Israelita do Brasil irá processar...
img
Israel doa ao Brasil máquinas que produzem água...
img
Líderes evangélicos divergem sobre posse de armas...
img
Governo de Bolsonaro pode restringir venda de...
img
Witzel quer firmar acordo com Israel para treinar...
img
Brasil dá apoio histórico a Israel na ONU, sob...
img
Igrejas são convidadas a influenciar sociedade no...
img
Bolsonaro diz que ministro da Educação atende a...
Page 1 of 8
Mais Notícias...